terça-feira, 21 de fevereiro de 2012

A Feiticeira

A Feiticeira teve oito temporadas. Começou a ser feita em 1964 e terminou em 1972. A partir da segunda temporada, uma outra personagem entrou no elenco. Tratava-se da prima-gêmea de Samantha, a sapeca Serena, também vivida por Elizabeth Montgomery, que em vez de aparecer loira, surgia de peruca morena. O primeiro episódio com Serena foi ao ar em janeiro de 1966. Até essa data, os programas foram feitos em preto-e-branco.
A primeira temporada conta como Samantha e Darrin se conhecem e se casam. Mostra também a feiticeira revelando sua condição para o marido. Apesar de ser um seriado de humor, A Feiticeira não foi muito fácil de ser vendido para o canal ABC, que acabou comprando os direitos do programa. A negociação entre produtores e o canal demorou porque temia-se uma rejeição por uma parcela do público que não aceitasse o subtema da bruxaria, embutido na história.
Assim que estreou, em 17 de agosto de 1964, A Feiticeira mostrou o poder que a série teria. A empatia com o público foi praticamente imediata e, em pouquíssimo tempo, o programa ficou em segundo lugar na audiência, perdendo apenas para a série Bonanza. A colocação se manteve durante a segunda temporada também.

Elisabeth Montgonory ,como Samantha 
Com a chegada do terceiro bloco de episódios, algumas mudanças ocorreram, como a veiculação da série em cores e a substituição da atriz Alice Pearce, que vivia a vizinha Gladys. Alice morreu de câncer em 1966 e em seu lugar entrou a atriz Kasey Rogers. A morte da atriz Marion Lorne, a Tia Clara, em 1968, também alterou o rumo da série. Em seu lugar entrou Alice Ghostley, mas no papel de Tia Esmeralda, pois a Tia Clara já havia ficado marcada para o público. Nessa época, a quantidade de programas que haviam estreado na TV americana tinha empurrado A Feiticeira para o sétimo lugar de audiência.
Em 2005,A Feiticeira ganhou um filme com Nicole Kidman e Will Ferrer nos papeis principais.
Nicole Kidman e Will Ferrer

Abertura da Série 


Trailer do Filme







Até a próxima.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sinta-se a vontade para comentar.