sábado, 28 de julho de 2012

Já Fui Mais Feliz

Depois de 16 anos de analise e outras coisas,que eu sempre faço antes de dormir nas minhas noites,notei que minha um dia já foi mais feliz do que ela é nesse momento,mesmo isso sendo um pouco estranho,mas eu já parei de acreditar na felicidade como "um mantra de vida",ou seja acreditar que sem ela eu consiga viver,mas eu não acredito nisso,não mais.
Antes eu achava que sem a felicidade eu não seria nada,e as pessoas que eu amava não estivesse perto de mim,eu iria sofrer demais e nem iria aguentar viver,eu era bem dramática se for parar para pensar,mas hoje eu penso diferente.
Penso que ainda preciso de algumas pessoas,meio que me ajudando ainda a "segurar as pontas",para que não exploda por completo,e outras pessoas que me soltem um pouco,não só pelo fato de ter crescido um pouco,mas pelo fato que eu mudei e eles tem que aceitar isso - sim família querida essa foi para vocês - ou simplesmente aceitar,se eles fizessem isso,eu ia adorar.
E as pessoas que eu gostaria que estivesse ao meu lado neste instante,ou estão mortas,ou longe de mim.E o melhor que posso fazer para ficar com elas é imaginando,ou lembrando de tudo que eu passei com elas,só assim eu consigo me manter um pouco mais feliz.
Eu sou do tipo de pessoa que se acostumou com a solidão desde cedo,e agora a encara como uma amiga que terei por toda a minha vida,e não há nada que possa tira-la de minha vida,pois depois de 16 anos juntas,mais 40 anos não farão mal nenhum a minha pessoa.
A uns 4 ou 5 eu era feliz,agora eu não sou tão feliz assim.Saudades desse tempo,que não volta mais,mas eu posso deixa-la mais feliz ou não.

sexta-feira, 27 de julho de 2012

I like it British


Como eu posso definir essa abertura das Olimpíadas de 2012?Em uma palavra: perfeita!Eu ainda não estou conseguindo digerir tudo o que aconteceu lá - mesmo que eu vi o começo das abertura na minha escola,pelo celular de uma amiga (risos) e tinha perdido os 10 primeiros minutos de tudo -,porque tudo foi muito lindo e perfeito!Sério,ainda estou muito feliz por tudo o que ocorreu.
Desde que eu soube que as Olimpíadas seriam em Londres,eu já esperava muita coisa - diga-se,homenagem aos Beatles - mas eu me surpreendi demais quando vi tudo!Desde aqueles engenheiros da Revolução Industrial,passando a J.K. Rowling lendo Peter Pam,Mary Popkins surgindo,Mr.Bean tocando piano,um Voldemort gigante,e a Rainha pulando de paraquedas no estilo 007,junto com o 007 (essa parte até gostei bastante,risos).E não podemos esquecer um pessoal vestido de Sgt.Peppers do Beatles!
A parte que mais gostei,foi aquela em que mostrou um casal que se conheceu pela internet e tocou "Wonderful Tonight" do Eric Clapton,depois "My Generation" do The Who,"Sastifaction" dos Rolling Stones, e depois "She Loves You" dos Beatles,e não podemos esquecer também,do Roger Watters tocando "Eclipse" do Pink Floyd.
E por fim temos o maravilhoso show de Paul McCartney,cantando "The End" e "Hey Jude",que acabou fazendo todo mundo cantar e chorar também.



Mas o quem devia ter mesmo aceso a pira olímpica o doutor.

Mas vai saber o porque disso não ter acontecido,não é?


Essa abertura vai ficar marcada como uma das melhores aberturas - ou se a melhor - ,abertura dos Jogos Olímpicos,sem discussões.





quinta-feira, 26 de julho de 2012

Colours your life


Pinta-se o mundo como se pinta a vida,dando cores e vida a coisas tristes,esquisitas,deixando tudo um pouco mais vivo e diferente.
Porque a cores do mundo de hoje não são mais as mesmas,são até piores,fazendo com que acabem estragando o mundo que um dia já foi bom,a muito tempo atrás.
Colora sua vida um pouco,deixando um pouco mais colorido, e deixe os sonhos mais preto e brancos,do que eles já são,ou mais colorido ainda.
Só depende de você. 

domingo, 22 de julho de 2012

O Amor Vai Nos Separar...


...Na verdade,eles já nos separou,desde quando Ian Curtis se foi,deixando todos só neste muito depressivo e chato,que ninguém aguenta mais,nem eu.

"Just that something so good
Just can't function no more"

Isso só foi uma declaração de amor explícita,burra e depressiva a Ian Curtis.

sábado, 21 de julho de 2012

Meus Olhos de Botão


A bela dama não conseguiu costurar os meus olhos de botão,mas de alguma forma acho que ela ainda os quer costurar.Mesmo estando presa em outro mundo.

quinta-feira, 19 de julho de 2012

1 ano sem Harry Potter



No dia 15 de julho do ano passado,acabou a saga de Harry Potter,muito triste isso,porque eu adoro Harry Potter e não terá mais nenhum nenhum filme ou livro,só se J.K Rowling,mudar de idéia,é claro.Mas não fiquemos triste,ainda tem o Pottermore,para alegria de todos nós!
E para esta homenagem que estou fazendo,minha querida amiga Sophia escreveu um pequeno post sobre o fim de Harry Potter e irei postar aqui.

"Bom,hoje é dia 15 de julho há um ano atras foi a ultima premiere de Harry Potter com o filme Harry Potter e as relíquias da morte.Neste dia muitos potterheads estavam nos cinemas esperando começar o fim deste fenômeno.E eu sei, é apenas uma história, mas,para muitos é mais do que isso é um mundo em si próprio onde todos queremos viver as aventuras de Harry!Mas, como J.K Rowling disse Harry Potter nunca terá um fim sempre que quiser pode reler os livros e assistir de novo os filmes por que HOGWARTS sempre estará lá para acolhe-lhos.  Obrigado por tudo J.K Rowling e os BIG Seven!Não importa quantos anos se passem a magia nunca irá mudar!"

Uma bonita homenagem não acham?H.P fará muita falta,mas será eterno para todos nós.



quarta-feira, 18 de julho de 2012

Minha Vida Em Coisas Ruins

Atenção: se você esta de bom humor,não leia esse post,porque ele foi contaminado pelas músicas depressivas do Joy Division,e capaz de você ficar depressivo também.

Tudo começa quando eu faço algo de errado,todos me culpam,e tudo o que acontece aqui em minha casa,acabam jogando a culpa em mim.
Acho tudo isso muito legal sabe,porque eu acabo ignorando tudo isso e se eu comentar algo sobre algo que fiz ou deixei de fazer,lá vai uma rodada de coisas ruins que estão acontecendo em casa e na minha vida também.
E ai eu acabei cansada de tudo isso e fiquei na minha.
Essa é a minha vida em coisas ruins.

Acho que ela tende só a piorar.

quinta-feira, 12 de julho de 2012

Cream

Cream; Eric Clapton,Jack Bruce e Ginger Baker.


Cream foi uma banda de rock seminal dos anos 1960 formada pelo guitarrista Eric Clapton, o baixista Jack Bruce e o baterista Ginger Baker.
Célebres como o primeiro power trio do rock, o som da banda era caracterizado por uma mistura de blues e psicodelia, combinando a maestria de Clapton com a voz suave de Bruce e, às vezes, o ritmo maníaco de Baker. O Cream representa o som energético da época, ancorado em um familiar estilo blues; de clássicos tradicionais como “Crossroads” e “Born Under a Bad Sign” às excêntricas “Strange Brew” e “Tales of Brave Ulysses”, culminando nas essenciais “Spoonful” e “Toad”. Seus maiores hits são “I Feel Free”, “Sunshine of Your Love”, “White Room”, “Crossroads”, e “Badge” (escrita por Clapton e George Harrison).
Descobri essa banda depois de ver ela na Tv,e ela se tornou uma de minha banda favorita,e tenha uma grande queda por Ginger Baker (risos).
Minhas músicas favoritas são:



Até a próxima.




quarta-feira, 11 de julho de 2012

Pictures Of Lily–parte 4

Pictures Of Lily - Parte 1
Pictures Of Lily - Parte 2
Pictures Of Lily - Parte 3



Roger e Marie estavam loucamente apaixonados um pelo outro, mesmo que cada um mal tenha tido tempo para se ver, pois Roger estava com a agenda lotada de shows com o Who, e Marie havia conseguido um emprego de jornalista no New Music Express, um jornal que esta almejava trabalhar havia muito tempo. Mas sempre que lhes sobravam tempo, aproveitavam juntos namorando um pouco.
Marie havia se tornado muito querida por todos do Who, que acabavam deixando Roger com um pouco enciumado, mas ele sempre tentava se controla-lo para que não fosse motivo de piadas para Keith, e ele sempre acabava “atrapalhando” o momentos amorosos do casal. Numa vez, Roger e Marie estavam aos beijos no sofá no apartamento em que todos do Who dividiam, Keith se aproximou e começou a caçoar do ciúmes de Roger, Marie começou a rir de tudo enquanto Roger queria matar Keith.
-Acalma-se Roger – disse Marie enquanto afagava os cabelos de Roger, para ver se ele se acalmava um pouco – ele só está brincando com você.
-Você sabe muito bem que eu não gosto dessas brincadeiras que ele faz comigo – disse Roger encostando sua cabeça no colo de Marie, para que ela os afagasse mais – estou ficando estressado demais com isso.
-Você não devia ligar para as coisas que ele fala – disse Marie enquanto afagava o cabelo de Roger e percebendo que ele estava começando a dormir, afagando mais seus cabelos e quando ele adormeceu, deu um pequeno beijo, deixando a testa dele manchada de batom vermelho.
Quando Roger acordou, percebeu que Marie não estava mais lá, e olhou para o pequeno criado mudo que ficava ao lado do sofá e viu que perto do cinzeiro lotado de guimbas de cigarro, havia um pequeno bilhete escrito com uma caligrafia fina e delicada, ”Para Roger”, num envelope branco mais delicado ainda.
E o bilhete estava escrito:
“Querido Roger,
Desculpe tê-lo deixado dormindo ai sozinho, notei que você estava dormido tão bem que não queria que você acordasse. Avisei a Pete que estava indo embora e avisei também que lhe deixei um bilhete.
Eu te amo muito, de sua Marie.
P.S = Estou com uma vontade doida de fazer um piquenique, eu ia te falar, mas você acabou adormecendo.
P.S.2 = Eu o amo demais. Beijos!”
- Eu também a amo demais, minha pequena Marie – disse Roger enquanto lia o bilhete.
-Ah você acordou – disse Pete usando avental e se sentando ao lado de Roger – eu ia te acordar e te avisar do bilhete.
-Entendo – disse Roger enquanto acendia um cigarro – mas porque você esta usando este avental, cara?
-Estive lavando a louça – respondeu Pete – eu sabia que ninguém iria lava-la , então a lavei para que não acumular mais ainda.
Roger assentiu com a cabeça em sinal de sim enquanto fumava, enquanto pensava pacientemente no pedido de Marie para fazerem um piquenique juntos, olhou para o relógio que ficava na parede, 00:00 AM, aquela Sexta-Feira acabava muito calma.
No dia seguinte Roger telefonou a Marie, dizendo que fariam o piquenique no domingo, já que naquele sábado ele teria show com o Who. Marie ficou tão animada com a ideia, que pouco tempo depois foi ao mercado mais próximo de sua casa, com sua amiga Jane comprar as coisas para o piquenique que iria acontecer.
-Marie, porque você esta tão ansiosa para este piquenique? – perguntou Jane enquanto observava Marie toda radiante no mercado.
-Só estou assim, pelo fato que vou passar um certo tempo com meu amor – disse Marie pegando um pacote de pão e olhando fixamente para uma pequena lista de coisas a comprar que prepara – eu ia te chamar para vir comigo, mas você saíra amanhã com seu namorado, não é?
-Sim, vamos ao cinema amanhã – disse Jane, um pouco triste.
-Então porque vocês não dão uma chegada por lá? – perguntou Marie
-Não seria uma boa ideia, ele não gosta do Who.
-Entendo.
Terminaram de comprar as coisas para o piquenique e voltaram para o apartamento onde as duas dividiam, onde Marie passou o resto do dia arrumando as coisas para levar para o piquenique, que ela achava que seria somente entre ela e Roger.
Roger contou aos rapazes o que iria fazer um piquenique com Marie, no domingo e que ela estava bastante ansiosa para fazer isso.
-Faz tempo que nós não fiquemos bastante tempo um com outro – disse Roger sorrindo.
Domingo chegou de uma forma presunçosa, que nem Marie nem Roger esperavam. O dia estava perfeito para um piquenique, o dia estava ensolarado, a previsão previa nada de chuva e Marie adorava dias assim. Roger telefonou a Marie dizendo que iria apanha-la lá pelas 14:00 PM, para irem para o parque.
Depois que desligou o telefone virou-se e viu que Keith estava sentado no sofá, olhando fixamente para Roger com um grande sorriso entre os lábios.
-Então vamos encontrar Marie as 14:00 PM? – perguntou Keith.
-Quem disse que você vai? – perguntou Roger atônito
-Bem, você não disse nada que eu nós todos poderíamos ir – disse Keith se levantando – então todos nós iremos com você, ou vai ficar com ciúmes?
-Quando você diz todos nós, você esta indo incluindo John e Pete também? – perguntou Roger ainda surpreso com tudo o que estava ocorrendo.
-Sim, já irei acorda-los, afinal estamos quase nos atrasando, já são 12:00 PM! ­– disse Keith indo acordar John e Pete. Roger ficou parado, tentando digerir toda a situação e pensando como Marie reagiria a tudo aquilo, mas com certeza ela iria adorar vê-los .
Pouco depois,Pete e John acordaram,se arrumaram de uma forma rápida,e se sentaram no sofá da sala,esperando pacientemente Roger e Keith se arrumarem.Depois que todos se arrumaram,foram até a casa de Marie,no carro que Roger conseguiu emprestado com seu empresário.
Nenhum deles conseguia conversam durante todo o trajeto do apartamento deles,até o de Marie.Quando chegaram ao prédio em que Marie vivia,ela já os esperava na porta do prédio,com uma cesta de piquenique em seus braço direito.
-Olá rapazes - disse Marie depois de dar um pequeno beijo em Roger,e entrando no carro,se sentando ao lado de John e Pete que estavam no banco de trás do carro.
-Olá Marie - responderam Pete,John e Keith em coro.Enquanto Roger,morria de ciúmes dirigindo.
Depois de um curto trajeto regado a piadas de Keith em relação ao ciúmes de Roger com Marie,finalmente chegaram no parque.
Marie escolheu um pequeno local isolado,com poucas pessoas,para que o Who não fosse descoberto pelo seus fãs.Arrumaram as coisas e ficaram se divertindo um pouco,com um freezby de Marie,ou caminhando pelo parque.
-Ah Marie,como você pode ser tão adorável com agente? - disse Keith entre uma mordida e outra num sanduíche que Marie preparou.
-Estão mesmo ótimos - concordou John.
Depois de um pequeno almoço,Roger e Marie saíram para um passeio,enquanto John,Keith e Pete dormiam debaixo de uma árvore.Roger e Marie se sentaram num banco um pouco afastado dos rapazes para poderem namorar um pouco sem serem atrapalhados.
Enquanto trocavam alguns beijos,Roger acabou notando distantemente,uma pessoa,que de longe observava seriamente os dois namorarem,e esta pessoa se parecia com Lily.
-O que você esta vendo meu amor? - perguntou Marie depois que Roger parou de beija-la - Viu algo de estranho?
-Não,querida não vi nada - disse Roger distraído.

Algumas horas depois que,voltaram para casa e Marie foi para o apartamento do Who,para ficar mais um tempo com Roger,acabou adormecendo e Roger acabou colocando ela,em sua cama.Quando saia de seu quarto,acabou encontrando Pete,mais uma vez lavando a louça.
-Ah você esta ai,de novo - disse Roger se aproximando de Pete.
-Se eu não fizer,ninguém vai fazer - respondeu Pete.
Os dois riram da situação.
-Eu acho que vi Lily no parque - disse Roger um pouco tristonho.
-Você não esta voltando a ama-la,esta? - perguntou Pete um pouco bravo.
-Não,não jamais - protestou Roger,um pouco inseguro.
-O que esta parecendo,é que você começou a amar a Marie,só para esquecer Lily - disse Pete enquanto lavava um prato.
-Eu amo Marie mais do que tudo - respondeu Roger,enquanto olhava confuso para o seu quarto,e via Marie dormindo.
Será mesmo que estava ainda amando Lily?Será que tudo que sentia por Marie era falso?Roger estava muito confuso para responde-las.
Foi para seu quarto,deitou ao lado de Marie,e tentou de alguma maneira tirar Lily de sua mente e só pensar em Marie.



domingo, 8 de julho de 2012

Bem vinda a Corvinal,Mariana

Ravenclaw

Depois de um tempo jogando no Pottermore,que é aquele mundo que J.K Rowling criou pós-término da saga de Harry Potter,eu fui selecionada para "estudar" em Corvinal!
Confesso que fiquei muito feliz com tudo isso,porque antes eu acha que era de Grifinória,nunca jamais passou sobre minha mente que eu seria de Corvinal,mas estou muito,mas muito feliz com tudo isso.

Um pouco sobre a Corvinal:
"Parabéns! Eu sou o prefeito Robert Hilliard, e estou muito contente em recebê-lo na Casa Ravenclaw. Nosso emblema é a águia, que chega onde outros não podem subir, as cores da nossa casa são azul e bronze, e nossa sala comunal está localizada no topo da torre da Corvinal, atrás de uma porta com um chamador encantado. As janelas em arco localizadas nas paredes de nossa sala comunal, têm vista para o terreno da escola, o lago, a Floresta Proibida, o campo de Quadribol e os jardins de Herbologia. Nenhuma das outras casas pode ter uma vista tão maravilhosa.
Sem querer me gabar, esta é a casa habitada por bruxas e bruxos mais inteligentes. Nossa fundadora, Rowena Ravenclaw, valorizava a educação sobre todas as outras coisas, e nós também. Ao contrário das outras casas, que têm suas entradas escondidas para o Salão Comunal, nós não precisamos de uma. A porta de nossa sala comunal está localizada no topo de uma alta escada. Ela não tem maçaneta, mas uma aldrava de bronze encantada na forma de uma águia. Quando você bate à porta, o chamador irá lhe fazer uma pergunta, e se você responder corretamente, te deixará entrar. Esta barreira simples tem mantido todos distanciados, exceto os Corvinais, por mais de mil anos.
Alguns dos calouros têm medo de perguntar a águia, mas não se preocupe, os corvinais aprendem rapidamente e logo desfrutarão dos desafios apresentados pela porta. Não é incomum encontrar vinte pessoas do lado de fora da porta da sala comum, todos tentando encontrar uma resposta para a pergunta do dia. É uma ótima maneira de conhecer os outros Corvinais e aprender com eles. Mas é um pouco complicado quando você deixa suas roupas de Quadribol na sala e precisa entrar e sair rapidamente. Na verdade, eu aconselho que você reveja suas coisas várias vezes, para se certificar de que contém tudo que você precisa antes de sair da Torre da Corvinal
Outra coisa legal é que a Corvinal tem as pessoas mais individualistas, embora os outros alunos chamam-as de excêntricas. Mas os gênios são geralmente mais avançados do que as pessoas comuns. Ao contrário do que as outras casas poderiam mencionar, nós pensamos que você tem direito de obter o que deseja, acreditar no que quiser e dizer o que você sente. Não temos medo de pessoas que vão tem as suas discussões, pelo contrário, nós as valorizamos!
Falando de excentricidade, você vai gostar do Diretor da nossa casa, o Professor Filius Flitwick. As pessoas muitas vezes p subestimam, porque é uma pessoa pequena (pensamos que é parte elfo, mas nós nunca tivemos a má educação de perguntar) e tem uma voz esganiçada, mas é o melhor professor e mestre de encantos, com mais conhecimento do mundo. A porta do escritório está sempre aberto a um Corninal com problemas, e se você realmente tem problemas, ele pegará bolinhos guardados em uma caixa na gaveta da escrivaninha e vai fazê-los dançar para você. Na verdade, vale a pena fingir que têm muitos problemas para vê-los dançar.
A Casa Corvinal tem uma história destacada. A maioria dos maiores inventores e inovadores mágicos passaram por esta casa, incluindo Perpetua Fancourt, a inventora do Lunascópio, Laverne Montmorency, um grande pioneiro de poções do amor e Wildsmith Ignatia, o inventor do Pó de Flu. Alguns ministros famosos da magia foram Corvinais, como Millicent Bagnold, que estava no cargo na noite em que Harry Potter sobreviveu a maldição do Senhor das Trevas e defendeu as celebrações mágicas sobre a Grã-Bretanha com as palavras "Afirmo o nosso direito inalienável de diversão." Havia também o ministro Lorcan McLaren, que era um mágico brilhante, mas ele preferiu se comunicar através da fumaça que vem através da ponta de sua varinha. Bem, eu disse que nós temos alunos excêntricos. Na verdade, nós também estamos na casa de Úrico Raritan que costumava usar um chapéu de água-viva. Ele é o protagonista mágico de muitas piadas.
E a relação com as outras três casas, bem, com certeza você já ouviu falar da Sonserina. Eles não são tão ruins, mas devem ficar atentos até que os conheçam bem. Têm uma longa tradição de fazer tudo o que podem para ganhar, por isso tome cuidado, especialmente no jogo de Quadribol e nos exames.
Os Grifinórios são bons. Se eu fossecriticar, eu diria que eles são arrogantes. Eles também são muito menos tolerantes do que nós que somos pessoas diferentes, de fato, após ter ouvido sobre nós, eles se interessaram por levitação ou pelo uso ovomancia que, como você provavelmente sabe, é um método de adivinhação usando ovos. Grifinórios não têm a nossa curiosidade intelectual, enquanto nós não nos importamos se você quiser passar o dia e noite por quebrar os ovos em um canto da sala comunal e escrever suas previsões com base em como caem as gemas. Na verdade, você provavelmente vai encontrar algumas pessoas para ajudá-lo.
E quando se trata de Lufa-Lufa, bem, ninguém poderia dizer que eles não são pessoas legais. Na verdade, eles são as pessoas mais simpáticas da escola .Vamos apenas dizer que você não precisa se preocupar com eles em competições ou provas.
Eu acho que isso é tudo. Ah! Sim, o fantasma na nossa casa é a Dama Cinzenta. O resto da escola pensa que nunca fala, mas fala com Corvinais. É útil se você perder ou ter perdido alguma coisa.
Tenho certeza que terá uma boa noite. Nosso dormitórios estão em torres que saem da torre principal e nossas camas com dossel estão cobertas com colchas de seda azul e o som do vento soprando através das janelas é muito relaxante.
E mais uma coisa: Fez bem, você se tornou um membro de uma das mais elegantes, peculiares e interessantes casas de Hogwarts."

Parece mesmo comigo?Acho que sim,(risos bobos).
Até próxima.

sábado, 7 de julho de 2012

Doctor Who


Doctor Who é uma série de ficção científica britânica,que conta a história,não do The Who se é que vocês pensaram isso quando leram isso,mas não.Conta na verdade a história do Doutor,um alienígena que viaja no tempo espaço contínuo em sua Tardis,que é uma máquina do tempo/naves espacial.
O Doutor tem mais de 9 séculos de vida,e este não viaja sozinho,este sempre esta acompanhado de amigos e companheiros,durante suas viagens.
Doctor Who começou a ser transmitida em 1963,foi interrompida em 1989 e voltando a ser transmitida em 1999,depois em filme em 1998,e retornou só depois 2005,como um grande sucesso mundial.


A Tardis do Doutor,que é o seu transporte do tempo espaço contínuo.

Em vez de morrer,o Doutor,acaba se regenerando,pois este é um senhor do tempo e tem 2 corações.Em cada regeneração troca-se de corpo e personalidade do doutor.Ao todo foram 11 regenerações até agora.

 Os 11 doutores.

Uma das coisas que mais me atrairão em Doctor Who,foi que em todo filme/série de ficção científica os alienígenas atacavam sempre os E.U.A, e Doctor Who é na maioria das vezes na Inglaterra (daí todo esse atrativo), e todas as personalidades que este encontra,que são muitas,como: Vicent Van Gogh,a Rainha Victória,Adolf Hitler,Winton Churchill,e muitos outras.
Da série moderna,meu Doutor favorito é o décimo,interpretado por David Tennnat,e da clássica,meu favorito é o quarto doctor,interpretado por Tom Baker.

O Décimo Doctor,David Tennant.

O Quarto Doctor,Tom Baker.

Das "Companios",minhas favoritas são Rose Tyler,Donna Noble,Amy Pound,da série moderna,e da série clássica,Romanna II.


Um pequeno guia sobre Doctor Who.


E para finalizar fiquemos com a abertura da série moderna.




Allons-y,e até a próxima.

sexta-feira, 6 de julho de 2012

Navegar é presciso…

E viver não,já que a realidade não é tão boa assim e enquanto a minha mente insana é o melhor para mim.O mundo é uma loucura para mim,ou talvez a minha mente me deixou assim nesse estado de vida insuportável,desejando loucamente uma mudança.

Mas se nada ocorrer,ela vai ficar do jeito que ela é,insuportável e irritante,como a minha família.

segunda-feira, 2 de julho de 2012

Um pouco de nostalgia por favor.

Vamos voltar a alguns anos atrás, em 2009 precisamente, quando eu, a escritora que vos fala tinha apenas 13 anos e descobriu uma das coisas mais que me fascinam até hoje. Na verdade, não é exatamente uma coisa que mais me fascinou, e sim uma música, Champagne Surpernova do Oasis.
Naquela época o Oasis era a minha segunda banda favorita, ainda não havia descoberto o The Who e, Keith Moon e Pete Townshend não haviam se tornados minhas almas gêmeas eternas, eu na época, adorava os irmãos Gallagher, tudo neles me fascinava, desde suas músicas até as suas loucuras e outras coisas.
Eu ainda me lembro da primeira vez que escutei Champgne Supernova, estava arrumando meu quarto, escutando o meu “( What’s Story) Morning Glory?” que um dia foi de minha mãe e depois ela me deu de presente já que ela não gostava de Oasis, no dvd (porque na época, eu ainda não tinha internet em casa e tinha que me virar com o tinha).
Eu simplesmente fiquei fascinada pela música,pelos seus efeitos,pelo modo como Liam cantava,tudo soou de um modo inovador em minha vida que eu estava completamente arrebatado para sempre,mesmo que a minha favorita do Oasis é “Wonderwall”, que também era maravilhosa,que também tinha me dado outra incrível sensação nostálgica que poderia me render outro bom post.
Só tive toda essa nostalgia pelo fato de ter passado as últimas horas escutando essa músicas e me lembrando de tudo isso.
How many special people change?
How many lives are living strange?
Where were you while we were getting high?




Aquela estranha sensação…

…de escutar aquela música e se lembrar dos seus 13 anos de idade, e se lembrar das coisas que você adorava,como ficar olhando pela janela e ver a chuva caindo calmamente,enquanto você trabalhava incansávelmente numa história que você estava escrevendo fazia um dia, e ao seu lado, seu “John Lennon – A Vida” e seu “Sgt. Peppers Lonely Heart Club Band” que seu pai havia te dado havia há pouco tempo e sua mãe odiou,te vigiavam para que sua história e, sua mente continuasse lá.Que grande sensação.
A Segunda Guerra Mundial não estava por completo em sua vida, e nem o The Who,você ainda não tinha comprado aquela “Bravo” sobre os Beatles e não se perguntou quem era o The Who, e não caçou eles no YouTube,faltava pouco tempo para isso acontecer,mas você não sabia,mas quando isso ocorre-se você iria afirmar dias depois que havia encontrado uma nova razão de viver.
Você ainda amava mais Londres do que Berlim,porque,Berlim era uma cidade de pouca coisa boa,passou um tempo,sua maior vontade era de estar na Alemanha,estudando a aquela coisa maluca – para metade das pessoas que viviam ao nosso lado – que foi a Segunda Guerra, que se tornou parte de nossas vidas,como se nós estivessemos realmente estado lá e presenciado tudo o que ocorreu.
Seu maior medo era de parar de amar os Beatles,porque eles estavam tão longe de você quando, na época você adorava Harry Potter – você ainda ama Harry Potter de uma forma totalmente diferente de antes –, você se afastou dos Beatles, e quando você fez isso se sentiu o pior ser desse mundo,foi duro,eu sei,você passou um dia inteiro escutando as músicas deles e os amando loucamente e dizendo,”Vocês serão para sempre a melhor coisa da minha vida e jamais os abandonarei!!”.E vocês estão loucamente juntos,passando pelas coisas mais duras de desde então,mas você os jamais os abandona,porque eles são uma parte de você e eles são uma parte de você.
E tudo isso que você lembrou foi,porque você escutou “Champagne Supernova” do Oasis.
Mas hoje além de se lembrar de todas essas coisas,você pensa num jardim de grama bem verde e a Tardis do Doutor pousando nesse jardim,enquanto escuta essa música.
Você não mudou nada,Mariana.

domingo, 1 de julho de 2012

Férias,yeah!

Finalmente minhas féirias de julho chegaram,yeah!!!Agora eu terei um pouco de paz e tranquilidade em minha vida,pelo menos é isso que eu estou pensando fazer com ela,mas acho que isso será um pouco impossível,pois meus queridos amados adorados professores fizeram questão de passar trabalhos e provas para depois das férias,resumidamente,terei que estudar.

Mas estou com um grande pique para postar aqui,e nos próximos dias,verão que o blog estará bem atualizado.

É só isso mesmo,até a próxima