quarta-feira, 17 de abril de 2013

Se eu me perco por aí

E eu me perderia todos os dias pelas frias e escuras ruas de São Paulo,tentando te encontrar a cada esquina,a cada rua em meio ao caos que a cidade sempre esta por conta do trânsito.Me perderia no meio de todos aqueles carros,motos e caminhões procurando você e seu sorriso na escuridão da cidade.

Te encontraria afinal,perdido numa praça vazia,sentado observando as folhas amontoadas,ainda sorrindo e me perguntando aonde eu estive todo aquele tempo,e a resposta seria tão simples quanto tudo,”Te procurando meu bem”.E depois de muitas e muitas outras perguntas,você me tiraria para dançar com somente o vento e as folhas como espectadores,com sob as luzes vindas dos postes a nos iluminar.

Depois de horas e horas perdidas,volto para casa com a sensação de que não foi somente mais um dia,mas de que hoje algo de inexplicável me ocorreu.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sinta-se a vontade para comentar.