sábado, 15 de fevereiro de 2014

A primeira semana na faculdade

Um
A gente pensa/imagina um trote de faculdade como a televisão mostra e com os relatos das pessoas que dizem que isso é uma coisa muito insana.Eu também achava que quando eu fosse pra faculdade todas essas coisas iriam acontecer,mas não aconteceram.A começar que minha faculdade não tem trote,nem festa e no lugar do trote teve um "Trote solidário",se eu não tivesse esquecido o alimento não perecível pelo fato de eu estar muito ansiosa,até teria ganhado uns negocinhos do Corinthians e do São Paulo para minha família (Vejam bem,eu sou corinthiana,mas não ligo pra essas coisas),mas ganhei sorvete e água de graça da faculdade.
E ai veio o tal do "trote",que na verdade foi uma palestra.Tinha uma mulher que era uma repórter maluca perguntando pros calouros o que eles iam fazer e te fazendo pagar o maior mico.E lá estava eu,sentada na minha cadeira,quieta e com os pensamentos no próximo filme que eu ia ver,no capítulos que eu ainda tenho que escrever pras minhas fanfics e tudo mais e desejando que essa repórter não aparece e ela apareceu me entrevistou me perguntou qual curso que eu ia fazer,se era direito ou sistemas,respondi que era jornalismo e queria que eu fizesse uma entrevista e eu morri de vergonha.
Passado isso tivemos uma tortura com power point,sim dá pra torturar as pessoas com o power point e depois a professora de português fez uma brincadeira estranha com as vogais e com o som das vogais que eu fiquei num estado de "wtf bro".

Dois
"Vocês gostam de história?",perguntou meu professor de realidade econômico e política do Brasil,eu quase respondi amo/sou,mas respondi que só gostava enquanto boa parte da turma ainda se olhava meio estranho e tudo mais.Mas a parti daí eu senti com cada molécula do meu ser que estava no lugar certo fazendo a coisa certa e,mesmo sentido uma pontada na boca do estômago avisando que eu ia passar fome por um bom tempo por conta de um futuro muito indeciso,eu não acreditei só tive certeza que pela primeira vez estou fazendo algo que eu realmente gosto.
E acabei descobrindo que nunca "passarei fome" por completo,porque a escrita de um jornalista acaba tendo sua escrita melhor por escrever bastante ao longo do tempo,disse minha professora de sociologia.Adotei isso como lema e vou levar pro resto da minha vida.

Três
Dps são a coisa estranha e ao mesmo tempo podem te pegar de uma forma assim,quando se menos se espera,disse uma professora de português minha.E ela pediu de pés juntos pra não ficarmos com dps e tudo mais.
E desaprendi a arte de me definir em público,tudo o que eu sei dizer ao meus colegas de classe que eu respiro artes,literatura,música e cinema,muito cinema.Quem me conhece sabe o quão eu sou apaixonada por cinema,que um dos meus grandes sonhos é realmente dirigir um filme,escrito por mim é claro.Mas quando eu fui me apresentar,as palavras sumiram da minha mente e eu falei uma coisa meio sentindo sobre amar cinema e cinema ser tudo na minha vida.E o resto Mariana aonde fica?

Quatro
Meu professor disse que nós não escolhemos o jornalismo,o jornalismo escolhe a gente desde pequenos.É quase igual ao Ash escolhendo seus pokémons para batalhar ou quando a V1D4 L0K4 escolha você pra ser V1D4 L0K4 pra viver loucamente,não há por onde escapar.Quando ele disse isso,eu me senti totalmente arrebatada por isso,novamente senti com todas as moléculas do meu ser que estava fazendo a coisa certa e que a usp não importava naquele instante.
E descobri que não sou o único ser que gosta de ler mais do que viver no mundo real,meu professor de Técnicas e Gêneros Jornalísticos,aliás ele é crítico literário.

Cinco
Como as pessoas podem serem tão possessivas em relação a outras pessoas e lugares?Não consigo entender isso!Daria até um bom trabalho antropológico com o seguinte título:"Por que as pessoas não deixam que as outras pessoas sentem-se em seus lugares por cinco minutos para conversa com sua amiga pra tirar uma dúvida?",acho que até o globo repórter não saberia explicar isso.
E como é um encontro na faculdade?É que nem nos filmes de comédia romântica em que a mocinha e o rapaz se encontram numa festa ou também vale comer batata frita na cantina?Pois me perguntaram isso eu não soube responder,mas acredito que a gente pode comer batata frita com o rapaz e que será a coisa mais hollywoodiana do mundo.Ou talvez não.

Um comentário:

  1. Semana agitada né? A minha começou também, mas a gente até agora ta mais conhecendo a facul haha

    ResponderExcluir

Sinta-se a vontade para comentar.